sábado, 3 de janeiro de 2009

Actualização, Natal, Ano novo e curiosidades

Oiiiiiiiiiiiiiii, quanta saudade de andar por aqui. Infelizmente as novidades vão passando e eu esqueço de contar e o registo fica para sempre perdido mas de facto tenho muita dificuldade em actualizar.
Está tudo bem por aqui graças a Deus.
Na primeira montagem de fotos, registei a ida para a caminha da minha Lu. Aqui foi o primeiro dia que baixámos a cama dela porque a donzela já se põe de pé e podia cair. Ficou quaseeeeeeeeeeee no chão (a cama só tem duas posições) mas está mais segura assim. Gosto desta sequência porque tem sido bem assim. Deitamos ela nessa boa disposição, vai-se acalmando e dorme rapidinho. É uma delicia e tem sido assim também de dia na loja.

Aqui um cheirinho do nosso Natal que também é aniversário do maridão. Foi passado na nossa casa com família de sangue e família do coração. Correu muito bem graças a Deus e a Lu acordou quase na hora dos presentes e ficou até um pouco antes de irmos para a cama. Portou-se muito bem e esteve sempre bem disposta. Recebeu alguns presentes e todos muito giros. Mais previligiada foi a Gabi que recebeu um monte de presentes bons. Eu tive um grande brinde, o portátil micro do meu maridão que tanto pedia mas que ele sempre dizia que não valia a pena que mais valia um grande e bla bla bla, mas... lá mo ofereceu hahahahahaha valeu marido!

Pois já tinha dito que a Gabi foi a mais beneficiada e recebeu altos presentes. Um desses foi o telefone ai da foto que ela tantoooooooooo queria. Como estava há um ano com o mesmo telefone e nunca o perdeu, a estúpida da mãe dela decidiu oferecer. Resultado???????????? dois dias depois, perdeu! Meu Deus fiquei tão fula!!!!!! Claro que está de castigo até hoje! E claro que a pessoa que o apanhou na rua, esfregou as mãos de contente e o desligou, não tentando sequer localizar o dono dele. Aiai, bem sei... podem falar... eu que sou a culpada.


Aqui a primeira foto de 2009 ao colo do pai enquanto víamos os foguetes. Quais foguetes????? Estávamos no terraço no meio do maior nevoeiro, não se via um palmo à frente do nariz! hahahaha mas, também correu bem e a princesa esteve sempre tranquila, na casa de uma amiga onde estavam mais outros dois bebés. E... mais um ano se passa.


Aqui, só uma curiosidade, uma foto do que eu geralmente levo para a loja e que ela come durante o dia. Quando vi tudo junto e apesar de saber que ela come pouco, achei que era muita quantidade para o seu pequenino estômago. Claro que as quantidades variam um pouco e há dias que não come nada do que levo e outros que come tudo.

De resto, vai-se indo. A LU caiu da minha cama anteontem. Fiquei para morrer com o susto, eu estava mesmo ali e não consegui prevenir. No dia a seguir, bateu com a boca no carrinho e sangrou um pouco e caiu do chicco quattro a tentar apanhar uma coisa do chão. Está mesmo em maré de azar, tadinha da minha menina.
A Gabi voltou para a escola o que me dá alguma tranquilidade durante o dia mas, também me ajudava bastante a tomar conta da Lu na loja quando apareciam clientes ou algo do género e agora tenho que estar sózinhaaaaaaaaaaaaaa, seja o que Deus quiser.
Beijinhos a todos e o meu desejo sincero que este ano vos traga a todos muitas alegrias e tudo o que desejam.
FELIZ 2009


P.S.: Teve uma mamã que me tinha perguntado onde compro os babetes de plástico mas, ela não terá blog onde eu possa deixar a resposta. Comprei no Ikea, que é a minha loja favorita. Por baixo dos de plástico, coloco uns turcos que eles também vendem só para não sujar a gola. São super baratos e práticos. Lavo da mesma maneira que o pratinho dela e na refeiçao seguinte estão prontos a ser usados. Como quaseeeeeeee sempre, nota 10 para o IKEA



9 comentários:

Olinda Dinis disse...

Essas caixinhas são da zippy? Lol para a Rafaela já não chega nem com a sopa nem com a futa :)
Beijinho

Sofia disse...

da avent :D
a Sara ja come duas de cada vez (uma de sopa e uma de segundo)
beijosss

Sofia,Pedro e Joana disse...

Olá!

Venho convidar-te a visitar o irmão mais pequeno d'"A cegonha cor-de-rosa", em www.temasdepsicologiainfantil.blogspot.com
Trata-se de um novo cantinho onde abordarei temas relacionados com a gravidez e parentalidade.
Espero que gostes e, claro, o teu feedback será sempre muito bem-vindo!
Beijinhos,

Sofia,Pedro e Joana

milah disse...

Que lindas as meninas!!!!
Desejo-te um maravilhoso ano em 2009!!! Beijos!

formando uma familia disse...

Antes de ser mãe...

Antes de ser mãe, eu fazia e comia refeições quentes.
Eu usava roupas sem manchas. Eu tinha calmas conversas ao telefone.
Antes de ser mãe, eu dormia tão tarde quanto eu quisesse e nunca me preocupava com que horas iria para a cama.
Eu escovava meus cabelos e tomava banho sem pressa.
Minha casa estava limpa todos os dias.Eu nunca tropeçava em brinquedos, ou pensava em canções de ninar.
Antes de ser mãe, eu não me preocupava se minhas plantas eram venenosas. Eu nem sabia que existiam protetores de tomada...
Antes de ser mãe, ninguém nunca tinha vomitado ou cuspido em mim.
Eu nunca tinha sido mordida nem beliscada por dedos minúsculos Ninguém nunca tinha me molhado. Eu tinha controle da minha mente, dos meus pensamentos, do meu corpo e do meu tempo.
Eu dormia a noite toda!
Antes de ser mãe, Eu nunca tinha segurado uma criança chorando para que pudessem fazer exames ou aplicar vacinas.
Eu nunca havia experimentado a maravilhosa sensação de amamentar e saciar um bebe faminto. Eu nunca tinha olhado em olhos marejados e chorado.
Eu nunca tinha ficado tão gloriosamente feliz por causa de um simples sorriso.
Eu nunca tinha sentado tarde da noite só para admirar um bebê dormindo.
Eu nunca tinha segurado um bebê dormindo só porque eu não queria deixá-lo.
Eu nunca havia sentido meu coração se quebrar em um milhão de pedaços porque eu não pude parar uma dor.
Eu nunca imaginaria que algo tão pequeno pudesse afetar tanto minha vida.
Eu nunca soube que eu amaria ser mãe.
Antes de ser mãe, eu não conhecia a sensação de ter meu coração fora de meu corpo.
Eu não conhecia a força do amor entre uma mãe e seu filho.
Antes de ser mãe, eu não conhecia o calor, a alegria, o amor, a preocupação, a plenitude, ou a satisfação de ser mãe.
Eu não sabia que era capaz de amar tanto e com tanta intensidade.
Antes de ser mãe...

Geovana disse...

oi querida adorei as fotos como a Lu ficou linda na sua caminha, que moça calma pra dormir, tomara que a Mariana seja calma assim...ba que pena sobre o celular, esses dias o meu foi parar no lixo hehehe, mas consegui reave-lo com um catator, mas tive que pagar tambem...aonde voce faz essas montagens das fotos, pois ficam todas muito lindas...bjs e que voces tenham tido um otimo natal, ano novo com muita saude e muita felicidade...bjs

Tânia,Ângelo e Martim disse...

Oiiiiiiiiiiiiii!Adorei as novidades a Lu está enorme e a Gabi tb e lindas!!ai que trabalho vão dar ao Pai! ehehehe!
Desejo tudo de bom para vcs neste 2009 e que a vida sempre vos sorria , com muita saúde e trab!
Agradeço-te do fundo do coração o coment que fizeste no aniv do Martim foste a 1ª e as tuas palavras deixaram-me de àgua nos olhos.. obrigada!
Mil beijocas grandes nossas

Luciana Pessanha Pires disse...

Olá, minha querida! Você tem razão sobre Gilmar. Grata pelas palavras de advertência.
Que lindas a Lu e a Gabi!
E que potinhos mais práticos, heim! Parabéns para seu maridão pelo aniversário.
carinho

Anónimo disse...

Boa tarde,

Peço desculpa pela intrusão mas conhece o blogue http://beriquerserfeliz.blogspot.com/? Aconselho-a a dar uma vista de olhos.
O seguinte texto de um blogue com o nome http://maeprincesa2.blogspot.com/ deverá ser denunciado por constituir
um exemplo flagrante de racismo, de egoísmo e de crueldade. Por favor, divulgue-o a um maior número de pessoas possível. Muito obrigada!


“As angariações
Hoje venho falar de um tema que sei que vai ferir susceptibilidades, mas como sou muito frontal na minha vida, aqui não poderia ser excepção!
Tenho visitado um blog de uma menina que aguardava a chegada de quadrigemeos. Seguia atentamente e torcia que tudo corresse bem, afinal uma pessoa luta tanto por ter um filho.... Muitas vezes foi abordado por ela o tema da redução embrionária sempre contra, e a aconselhar todos a nunca o fazer! Ora, eu lia aquilo e achava um acto de plena coragem decidir ter 4 filhos, por todos os motivos que isso implica. A familia em questão é brasileira pelo que, conhecendo bem a realidade daquele país, pensei que fosse alguém que tivesse posses, que contratasse babás e afins, porque 4 recém nascidos é dose!
Ontem fiquei deveras espantada. Voltei ao mesmo blog. E leio-a a pedir dinheiro! Por todo o lado se referem contas e transações, incluindo indicações pormenorizadas para as "amigas portuguesas" .Achei uma lata descomunal!!!Desculpem! Mas não fazer a redução embrionária não é só dizer que "Jesus" mandou tem que vir, e Jesus está no comando. Jesus está no comando de algumas coisas, mas noutras quem comandamos somos nós!!!! Jesus está no comando mas eu, por mais que gostasse, jamais teria outro filho se não tiver possibilidades! E percebo que deva ser dificil fazer a redução, mas se sabia que não tinha como pagar os tratamentos, fraldas e leite dos 4, porque não fez?? Contava com o dinheiro das doações??? Por amor de Deus! Sim porque os internamentos e as cirurgias não são imprevisiveis, são normalissimas de acontecer em bebés prematuros, ainda mais sendo 4. E como vai ela pagar os colégios?? Vai continuar a pedir?
E sabem o que mais me espanta? As "amigas" portuguesas todas felizes a participarem. Desculpem se vos parece Xenofobismo, mas acham que se alguma de nós precisasse, alguma brasuca se preocuparia connosco??? Eles odeiam-nos, acham que somos uma cambada de atrasados e só nos sorriem quando vêem para cá, e é só à nossa frente porque por trás.....(Salvo raras excepções, que também tenho alguns amigos brasileiros e dois sobrinhos lindos!)
Não acham que há tanta gente por cá que precisa realmente da nossa ajuda....Já viram o frio que faz hoje? E se fossem comprar cobertores para os sem-abrigo? Sabem que com 20€ por mês podem ter um afilhado em Africa e com esse dinheiro pagar-lhe comida e estudos?
Sabem que essas pessoas, essas que realmente precisam não têm o que comer, quanto mais dinheiro para inseminações ou apelos na internet....Esses só queriam um prato de comida....E nós? Nós ajudamos os brasileiros que são tão bons na arte de pedir....E os nossos continuam por cá, pelas ruas enquanto nós viramos a cara quando passamos por eles....
Isto revolta-me! E é só a minha opinião.
Ah, e há mais! PAra além das fotos expostas, quem sabe que a história é realmente verdadeira? Hoje em dia tanta coisa é possivel....

Acreditando que é, desejo toda a sorte do mundo e que todos os bebés fiquem bem e saudáveis...Agora quanto às contas....Acho que é uma coisa que se pensa antes e não depois. Espero não ser mal interpretada, não desejo mal a ninguém!
Beijocas
Sara”

Fernanda cruz_fr@iol.pt